No Alto do Castro, há um domínio visual de todo o vale agrícola de Covas do Barroso. A freguesia, a quarta maior do concelho, ocupando uma área total de 29,6 km2, é constituída por Covas do Barroso, sede da freguesia, Romainho e Muro. As três aldeias localizam-se no vale, protegidas a Norte pela Serra da Sombra e a Sul pela Serra do Pinheiro.

É devido à sua localização geográfica, rodeada por serras, que advém o seu topónimo, pois, quando avistada ao longe, parece uma cova.

No Alto do Castro, encontra-se um conjunto de penedos, onde foram descobertos vestígios de um castelo roqueiro.

O miradouro faz parte da Rede de Observatórios SIPAM.

O miradouro Olhar do Guerreiro faz parte da Rede de Observatórios SIPAM – Sistemas Importantes do Património Agrícola Mundial, implementados na região do Barroso nos municípios de Boticas e Montalegre.

Localização

O Alto do Castro localiza-se no município de Boticas, a 16,8 km (25 minutos de carro) da sede de concelho via R311 (direção Salto) e M519 (direção Aldeia de Campos). Ao chegar ao estradão de terra batida assinalado, deixe o carro onde lhe for conveniente e siga os restantes 500 metros a pé.

Coordenadas GPS: 41.637861, -7.779077

Ver no Google Maps

PUB

FONTECâmara Municipal de Boticas