O Visit Boticas vai dar a conhecer alguns dos habitantes do Parque Arqueológico do Vale do Terva (PAVT), catalogados no Atlas da Fauna do PAVT, com o objetivo de sensibilizar os visitantes para a conservação e valorização do património natural.

Atlas da Fauna do Parque Arqueológico do Vale do Terva.

o objetivo é sensibilizar os visitantes para a conservação e valorização do património natural.

Editado em 2013, no âmbito de uma parceria entre o Município de Boticas e a Universidade do Minho, o Atlas coordenado pela bióloga Célia Gomes, é um testemunho da riqueza do parque que inclui algumas espécies com elevado estatuto de ameaça como o cágado-de-carapaça-estriada (Emys orbicularis), o lobo (Canis lupus), o melro-das-rochas (Monticola saxatilis) e a águia-caçadeira (Circus pygargus), espécies listadas Em Perigo no Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal.

 

PUB