Rota dos Castros

PAVT

Os ‘castros’, assim se designam habitualmente os povoados fortificados que coroam muitos dos montes do noroeste da Península Ibérica, são uma das mais monumentais expressões da intensa ocupação do território durante a chamada Idade do Ferro, que terá conhecido o seu apogeu entre o século II a.C. e o século I d.C.

Na área do PAVT conhecem-se nove povoados fortificados ‘castrejos’, implantados nos cabeços e promontórios da bordadura do vale do rio Terva. De dimensões variáveis, todos eles apresentam sólidos amuralhamentos, os mais pequenos apenas com uma linha e os maiores com sistemas mais complexos de duas ou três linhas de muralhas, como o Castro de Nogueira.

A extraordinária densidade de ocupação ‘castreja’ do vale do rio Terva parece relacionar-se com a exploração intencional dos recursos minerais e metalíferos existentes (jazidas de ouro e de estanho).

 

Castro do Cabeço

PAVT / Rota dos Castros Sobre um cabeço a meio da vertente sul da Serra do Leiranco, dominando a ampla veiga que se estende até ao rio Terva desde Bobadela até Boticas, ergue-se um amplo povoado defendido por três robustas linhas de muralhas circundantes, antecedidas no lado oriental por um fosso largo e fundo, com […]

Castro de Nogueira

PAVT / Rota dos Castros O Castro de Nogueira, localizado num esporão da vertente SE da serra do Leiranco é um dos mais expressivos povoados castrejos do Vale do Rio Terva, ocupando uma área de aproximadamente 6 Ha. Situado a mais de 900 m de altitude, a sua implantação proporciona boas condições naturais de proteção, […]

Castro da Murada da Gorda

PAVT / Rota dos Castros Pequeno povoado localizado num esporão oriental da Serra do Pindo, sobranceiro à ribeira das Cerdeirinhas, de onde se desfruta de uma espetacular vista panorâmica sobre o vale do Rio Terva. O sistema defensivo é dominado por uma poderosa muralha, que incorpora a abundante penedia que coroa o cabeço. Na zona […]

Castro do Muro de Cunhas

PAVT / Rota dos Castros Situado num promontório de morfologia cónica, no limite dos concelhos de Boticas e Chaves, o povoado é delimitado por duas linhas de muralhas circundantes, que apresentam um acentuado derrube. O sistema de defesa é complementado por um campo de pedras fincadas, localizado na zona norte do povoado. Na plataforma superior […]

Castro de Sapelos

PAVT / Rota dos Castros O Castro de Sapelos localiza-se num promontório em esporão alongado, sobre a margem esquerda do rio Terva. Com duas linhas de muralha, constituídas por elementos de granito e quartzito, o povoado apresenta uma defesa reforçada por dois grandes fossos circundantes, que são cruzados por longas valas de provável extração mineira, […]


No Centro de Interpretação do PAVT em Bobadela são cedidos mapas com a informação técnica indispensável para a realização dos roteiros.


Fonte: Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho 2014, Rotas do Parque Arqueológico do Vale do Terva, Câmara Municipal de Boticas, Boticas. / Fotografia: TR

SUGERIR CORREÇÃO

 


PUB