Castro do Cabeço

PAVT / Rota dos Castros

Sobre um cabeço a meio da vertente sul da Serra do Leiranco, dominando a ampla veiga que se estende até ao rio Terva desde Bobadela até Boticas, ergue-se um amplo povoado defendido por três robustas linhas de muralhas circundantes, antecedidas no lado oriental por um fosso largo e fundo, com talude exterior.

Nas plataformas interiores observam-se ruínas de casas de planta circular, algumas com pavimentos lajeados e revelando nos troços de paredes visíveis o característico aparelho poligonal.

Foi já objeto de escavações arqueológicas, apresentando evidências de ocupação até época romana, que se estende ao sopé da elevação. Na zona SO foi encontrado um penedo granítico com algumas gravuras, compostas por várias covinhas e alguns sulcos.


Fonte: Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho 2014, Rotas do Parque Arqueológico do Vale do Terva, Câmara Municipal de Boticas, Boticas. / Fotografia: TR

SUGERIR CORREÇÃO

 


PUB
0

Carrinho